Depoimentos

Audrey Hens – gerente do desenvolvimento pessoal:

Grávida do meu segundo filho, comecei o Pilates com a Monika, aos 5 meses de gravidez.

Eu tive dor nas pernas devido ao aparecimento de varizes gestacionais.

Graças à sua experiência, consegui fortalecer rapidamente a minha musculatura, o que me proporcionou um alívio real nas pernas, mas também nas costas e na região lombar.

Além do trabalho de Pilates, Monika me ofereceu um verdadeiro apoio psico-corporal para me ajudar a viver bem o meu parto e a minha gravidez (para afastar as preocupações relacionadas à vida cotidiana). Durante este processo de acompanhamento, pude decidir com confiança e serenidade para dar à luz em casa. Monika estava lá para me preparar para dar à luz e ela estava lá durante o meu parto, como doula. O trabalho que fizemos juntas me ajudou completamente a me libertar no dia do parto e viver com confiança um dos momentos mais bonitos da minha vida.

Ela é uma excelente profissional, você pode confiar plenamente nela.

Carla Guigliano Pedalino – empresaria: 

Conheci a Monika e suas aulas de Pilates no Rio de Janeiro durante a minha primeira gravidez. Minha ginecologista me recomendou-la, e isso me ajudou muito! Mais do que o bem-estar físico, ganhei também um relaxamento mental nesses momentos de apreensão. Depois, Monika também me ajudou na preparação do meu segundo parto. Os exercícios de périneo melhoraram 100% o tempo da expulsão e ajudaram na recuperação após a gravidez! Eu recomendo Monika para ganhar um melhor conhecimento do seu corpo.

Marilia Passos – escritora: 

Monika iniciou o trabalho criando um tempo próprio para que as manias, desejos e limitações de meu corpo fossem expostas ao seu olhar. Primeiro, ensinou-me a respirar. O inicio de tudo, o inicio da vida. Depois, ela me guiou até o centro do meu corpo, fixado em um lugar muito mais profundo do que imaginava. Ela me ensinou que é de lá que tudo se expande. E desse centro traçamos um caminho, com calma, aos poucos, respirando. De repente, vi meu corpo com potencias que nunca teve, o vi expandir-se, ampliar-se, buscar novos desafios. Olhei-me no espelho e disse “esse é meu corpo!” . Um corpo apropriado de si, sólido, alinhado. Um corpo que, depois de meses de trabalho com a Monika, aprendi a ouvir e supresa, percebi que pode muito mais do que eu esperava dele.

Leila Daher – oftamologista:

Sempre fui mais para sedentária. Tudo mudou quando conheci a Monika com as suas aulas de Pilates! Já tinha tentado vários tipos de exercícios mas não passava de um mês! Bem, fiquei por três anos com ela e, só parei porque se mudou para a França! Exercícios efetivos e uma supervisão cuidadosa! Estou órfã! Nada se iguala ao Pilates ministrado por Monika!

Rodrigo Cicchelli Velloso -compositor, flautista, professor:

Fazer Pilates com Monika transformou minha relação com meu corpo, pela tonificação da musculatura, correção da postura e aumento da flexibilidade. e isso teve consequências positivas para meu bem estar físico e mental, dando-me mais disposição para as tarefas do dia-a-dia e para minhas atividades profissionais.

Ana Carolina Couri- advogada:

Monika, você merece um capítulo no livro da minha vida. Porque não há corpo sem alma. Das pontas dos pés, aos dentes que trincam sem querer, a respiração mais curta – começo a perceber. Obrigada por me permitir enxergar o vital, me contectar comigo mesma e assim viver de uma forma mais plena, verdadeira e feliz! Desejo tudo de melhor do mundo para você e sei que conseguirá, pois você é a melhor que já conheci.

Thais Pegoraro – coach, escaladora de alta montanha, mulher de 7 cumes:

Monika, intensa, suave, leve e presente. Um passo decisivo para que o tempo do Zeca, meu filho, fosse totalmente esperado. Ainda me lembro da primeira aula. “Respire, sem esforço, abra espaço, sinta seu períneo.”. “Sem força?”. “Sem força.”. Como era possível doutrinar um corpo que por anos havia feito nada mais que força, a desacelerar, sem força. A sentir, sem força. A respirar, sem força. A abrir espaços, sem força. A ser mais forte, sem força. Um desafio enorme para mim ver meu corpo mudar a cada dia, perder tônus, perder músculo, perder massa e ganhar “força”. A força feminina, a força sutil, a força que não é muscular, mas sensitiva, poderosa, profunda e essencial para transformar a vida por completo. Para receber o Zeca. Monika me ensinou a ser fêmea. A encontrar força para a gravidez, aquela sem romantismos, e nem por isso com menos amor. Monika me ensinou a saber esperar. Não o tempo dos outros, mas o tempo para o outro. Monika me ensinou a sentir, o sentir pleno no presente, sem falsas expectativas para o futuro. Monika me ensinou o que era preciso saber para eu poder parir. Centramento. Segurança. Presença. Calma. Respiração. Com toda a emoção que o momento pede. Foram meses de pilates, que eram mais que aulas de técnicas físicas. Eram ensinamentos compartilhados de mulher para mulher, conhecimentos trocados, confiança e confidência. Foi fechada a porta da fantasia da gravidez, e aberta a porta da maternidade real, física, com imperfeições, e por isso mais bela. Dado o trabalho feito pude viver a gravidez como um profundo processo de auto conhecimento e o parir como uma catarse. Foi embora uma Thais. A outra, ainda estranha para mim, chega aos poucos. E eu não tenho pressa. A Monika me ensinou isso.

Pedro Albernaz – advogado:

Fiz aulas de Pilates com a Monika por um ano e meio, principalmente para tartar as dores de lombar que vinha tendo. Monika é uma ótima professora, muito competente em seu ofício, sabe explicar os exercícios muito bem e sempre verifica a execução deles, sempre corrigindo, quando necessário, sendo muito atenciosa com os alunos.

Eliana Albernaz – pedagoga e presidente da Assiciação das creches conveniadas com a Prefeitura do Rio de Janeiro: 

Conheci a querida professora Monika através de meu filho e meu marido que eram seus alunos. Eles sempre falavam bem de suas aulas em termos de melhora fisíca e prazer em participar dos exercícios. Resolvi então participar das aulas e realmente aconteceu um progresso fisíco em relação a força e equilíbrio. As aulas são agradáveis e ao mesmo tempo exigem emprenho. Tudo acompanhado de uma atenção minuciosa da Monika. Lamentamos multíssimo sua mudança pois sabemos quão difícil é encontrar uma professora tão eficiente e amiga quanto ela.